Bell Maques causa polêmica ao afirmar que a corda deve existir para separar rico de pobre!

Bell-Marques (1)Em uma entrevista ao Caderno 2 do jornal A Tarde desta sexta-feira (10), o vocalista da banda Chiclete com Banana causou polemica ao afirmar que “a corda dos blocos é necessária para que ricos e pobres possam usufruir do carnaval …A corda sempre existiu e na minha opinião ao invés de separar, acaba unindo o povão que acaba vendo de graça algo que é pago por uma parcela”.

Tal afirmação gerou um grande polemica nas redes sociais com pessoas indignadas com a declaração do cantor. Confira algumas das reclamações:

Ana Gonçalves disse:

Quando for pular carnaval, na pipoca e um trio passar com os cordeiros empurrando e batendo na população por se

acharem superiores ao que estão do lado de fora, lembre-se do que Bell Marques declarou na reportagem publicada na capa

Foto: Reprodução / A Tarde

Foto: Reprodução / A Tarde

do CADERNO 02 do Jornal A Tarde de hoje 10/02/2012: “A corda sempre existiu. Na minha opinião, em vez de ela separar, ela acaba unindo. Por que grande parte do povão acaba vendo de graça algo pago por uma parcela”

Sendo assim agradeçam…

PMs: Bell pede na matéria que os senhores dêm uma trégua para que eles tenham segurança num momento que eles mais precisam, e fez mais: sugeriu que vocês interrompam a greve até o fim do Carnaval, voltando a negociar depois.

PS.: Pare o mundo que eu quero descer!

Carneiro Denise Marcia

A evolução capitalista do carnaval… Quem pode pagar, pula com seguança, quem não pode, pula na porrada…

Ana Emília Rocha

Gosto muito das festas populares, mas a forma como o carnaval está sendo organizado me dá um grande nojo. Esses dias um reporter entrevistou uma mulher q estava comprando abadá se ela estaria sentindo segura mesmo com a greve da PM para pular o carnaval… A criatura disse q ela iria curtir o carnaval numa boa, pq que no bloco era seguro, não era os policiais que fazia a segurança dela, mas os segurança dos blocos. LAstimável!!!!! Vergonha de dividir o mesmo ar desse cara, vergonha da industria do carnaval!

Rachel Barretto
Repórter da Revista Bahia Acontece

Opinião do Jornalista

Por: Jarlei Augusto

images (1)‎”EVOLUÇÂO” Qual é o verdadeiro sentido da palavra mesmo? Resposta: Ação, processo ou resultado de evoluir [ antôn.: Antôn.: involução, retrocesso. ]. 

Há muito tempo que Salvador vem mostrando através das estáticas pós carnaval, que a festa perdeu seu brilho, seu encanto e seu sentido. Muita coisa mudou entre as antigas “mortalhas” e os atuais abadás. O povão vem perdendo seu espaço no que deveria ser a maior festa popular do planeta.

Hoje a festa é mais para rico do que para os pobres. Os blocos com cordas e os camarotes que invadem desrespeitosamente os locais públicos, abusam da inconstitucionalidade e ninguém faz nada, e o que é pior, não oferecem alternativas nos bairros, o que acaba sobrecarregando e tumultuando os circuítos da folia.

Então, cadê a “EVOLUÇÃO” NO CARNAVAL DA BAHIA? A única coisa que vejo evoluir além do saldo bancário dos artistas, donos de blocos, camarotes e dos políticos envolvidos no carnaval, é a violência e a falta de respeito pela população menos favorecida.

Quanto a declaração do líder da banda Chiclete com Banana, acho que ele foi infeliz na articulação das palavras. Na qualidade de uma pessoa pública e ligada diretamente ao carnaval, ele poderia ter sido mais elegante, afirmando que a corda separa pagantes de não pagantes. Sei que dá quase no mesmo, mas ofende bem menos.

Jarlei Augusto

Comente usando o seu Facebook